PROJETOS INTERNACIONAIS E OS RISCOS ASSOCIADOS À SUA GESTÃO

Paola Ramos dos Santos, Mario Roberto dos Santos, Fabio Ytoshi Shibao

Resumo


As organizações realizam uma infinidade de projetos para perseguir seus objetivos específicos. Projetos internacionais são muito atraentes para empresas que buscam expandir seus horizontes de negócios. São projetos de diferentes tipos e formatos, como, por exemplo, construção de um metrô, um aeroporto; uma campanha; um novo software etc. Fatores locais, referente aos países onde os projetos serão desenvolvidos, poderão gerar riscos e influenciar tanto a execução quanto a conclusão com êxito de tais projetos. O objetivo deste trabalho foi verificar quais são os riscos em um projeto internacional que poderão influenciar no seu sucesso. Foi realizada uma pesquisa bibliométrica nas bases de dados Proquest, Ebsco e Scielo regional com a utilização das palavras–chaves “International and Project Management” para as bases Proquest, Ebsco. Para a base Scielo regional, foram usadas também as palavras: Gerência de Projetos Internacionais; Gerenciamento de Projetos Internacionais; e Gestão de Projetos Internacionais. Foi verificado também no site PMI-Brasil a ocorrência de estudos sobre o tema aqui abordado. Foram encontrados 160 artigos e selecionados doze. A classificação mais ampla descrita de fatores de risco em projetos internacionais foi: cultural, política, virtual e regional. Os riscos em gestão de projetos internacionais apresentam uma enorme variedade, mas têm-se a possibilidade de mitigar alguns riscos, com o uso de metodologias.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.